01 outubro, 2011

ARTIGO - Sueli Suga - Como soltar a franga no scrap!

Oláaa!!
Td belezinha com vcs?

Vamos estudar juntas mais um pouquinho? Pq é meio que por aí... vou estudando, aprendendo, testando, as vezes acertando, as vezes errando, mas sempre continuando né! Firme e forte! ;-)
Mudei o título desse post algumas vezes, mas acho que agora achei um bem legal para ele... Dicas de como "soltar a franga" no scrap! hahaha Ou melhor... para quem quer manter a linha, como tornar seus projetos mais que únicos e especiais para você! hehehe
Sabem aquela maniazinha que a gente tem de fazer tudo certinho? Seguir todas as regras (pode não parecer, mas eu me esforço para aprendê-las! hehehe) para que seu projeto fique lindão com todas as dicas de design que vc e seu projeto merecem?
Pois bem, essa é a idéia desse post! Dicas de como fazer quase tudo certo, mas ter um joguinho de cintura qdo vc não tem td sob controle aí no seu scrap canto ou scrap momento de criação!
Dizem que planejamento é alma do negócio né? Vejo isso claramente no trabalho da Nayda Rocha! Todos LOs desenhadinhos, lindamente executados, mas... e para gente bagundaçada como eu que começa o LO sem ter nem noção de como isso vai ficar depois de terminado? E qdo a pessoa além de tudo tb é desastrada? hahaha O q fazer? E qdo não temos aquele material que seria perfeito para o nosso projeto ficar perfeito? Como tornar aquele desviozinho num efeito super especial do nosso projeto?? Vamos ver como?

Assim como o primeiro post sobre fotografia, esse artigo é baseado no curso Embrace Imperfection da Karen Grunberg.

Bom, então vamos por partes?

-Textos: faltou uma letrinha no seu alfabeto para completar o título ou ele é comprido demais para poder feito inteirinho com o alfabeto que vc tem aí em mãos? Ortografia incorreta? Sua letra não ajuda? hehehe

Falta de alfabetos: Aqui um LO singelinho... hehehe faltava "a" daí... usei um "v" ao contrário e coloquei um tracinho no meio para parecer um "a".

Vejam um detalhinho:
Além desse artigo tem um no site do SD que a Babi Pirajá publicou sobre esse assunto!

Agora espiem meu journaling de ondinhas... hehehe então, normalmente uso letra de forma no journaling pq esse tipo de letra costuma ser mais controlado, pq minha letra normal é digamos assim... bem imprevisível! hehehe
Agora se você tem letra bonita como o Vlady e gosta de caligrafia, dá uma olhadinha nesse post publicado no blog da Julie Fei Fan Balzer!  É muuuiitoooo interessante! Tenho interesse em treinar, mas enqto esse dia não chega... fico só na admiração! ;-)
Agora se vc aceita sua letra da forma como ela é... Vejam o exemplo da Julie... sinceramente acho a letra bem normalzinha e não é que ela transformou isso num estilo dela que realmente é inconfundível? Olha só q lindo de viver!
Além desse exemplo dela, ela sempre faz títulos manualmente!
Outra idéia caso vc queira variar ou economizar seus alfabetos usando tinta spray ou air brush das copic markers. By Kelly Purkey
Outro projeto dela usando letras grandes e mini-alfabetos!

Agora um journaling feito manualmente:
Além de escrever a mão e destacar com um retângulo, tb colori com aquarela. Até chegar nessa fórmula aí testei o journaling com aquarela mais coloridinha, mas... não ficou bom não, exagerado sabe, por isso ficou td por volta do vermelho mesmo.

Sobre journaling há uma apostilinha muito legal by Elle´s Studio com dicas de várias scrappers maravilhosas. Acessem aqui.
Com relação a ortografia, alguém tem coragem de dizer que o LO da Nayda aí embaixo não está PERFEITO? hahaha Nem eu! E na verdade ele está mesmo perfeito né, gente! Ela tb se preocupou com a grafia nova da palavra "Autorretrato" assim como a Dan e a Cá Mendes, como vcs podem ver lá no site do Scrap Diary, todas usaram a versão antiga para auto-retrato. E quer saber, eu que sou aficcionada em ortografia usaria na boa nessa versão antiga... até pq me parece menos estranha! hehehe
Olha aqui o LO da Dan!
Como não consegui localizar o LO da Cá, aqui tem o link dele no SD! ;-)

Agora algumas diquinhas singelas sobre como manter tudo com o máximo possível de correção e quem sabe, perfeitinho...

Quando for fazer journaling ou título impresso:

1. Digite o seu texto no computador e use o corretor gramatical. Isso até para quem escreve a mão e quiser fazer tudo lindinho, ok;

2. Faça um rascunho do que vc quer escrever para depois passar a limpo no projeto. Confissão: eu nunca faço isso! Sempre escrevo direto e muitas vezes acabo dando uma estragadinha no LO, mas... acaba ficando assim mesmo. Mas se o estrago é muito feio... bom, aí nada como cobrir com uma fita, uma palavra digitada na dymo, enfim, colar uma flor, um enfeite, uma journaling tag, enfim, usar a imaginação para tampar o errinho básico. hehehe

3. Escreva como vc fala: essa é a tática que uso para escrever artigos! hehehe Tento ser espontânea, da mesma forma que estou escrevendo, seria como se estivesse conversando com vcs ao vivo e assim, repito em meu journaling.

Quanto ao journaling ou título escrito a mão:

1. Use espaços específicos para o journaling: muitas vezes usamos tags, die cuts, carimbadas, enfim, caso goste, use as que possuem linhas para que vc não escreva torto. Complementando... faça journaling em tiras! Fica super charmoso! As vezes tb. faço journaling como moldura da página... enfim, usem a criatividade!

2. Pratique: hehehe sim, sim, sim, não fiquem bravas ok, mas treinar caligrafia é legal! Tem um livro interessante da Heidi Swapp chamado "Love your handwritting" que vem até com exercícios para a gente fazer! Tá bom, confissão 2: só comecei a fazer! hahaha

3. Misture alfabetos: nossa, isso dá um super efeito! Vários tipos de alfabetos e letra manuscrita? Calma, logo vcs vão ver como fica lindo!

E para finalizar essa partinha sobre textos, segue o LO da Karen para vcs verem a aplicação de tudo isso que foi escrito aqui:

by Scrapbook Brasil: um videozinho básico ensinando a alinhar as letras adesivas.
Pessoalmente não ligo muito se uma letra está mais distante da outra... o que faço é pensar em qual alinhamento quero seguir, se para esquerda, começo o título na ordem normal, da esquerda para a direita, se pela direita, começo o título ou palavra da direita para esquerda. Se quero centralizar o título, também inicio a palavra  ou título pelo meio, já pensando na separação das palavras e variação de alfabetos porque o uso de um único alfabeto para títulos grandes pode pesar um pouco no projeto.

-Colocação de elementos: Enquanto vamos aprendendo a colocar os elementos todos nos lugares certos, podemos ir usando algumas facilidades que já temos em muitos sites, tais como:

1. Uso de sketches: ele é ótimo para economizar e é ótimo para não se preocupar com balanço da página, se o foco está bemm definido... aqui no Scrap entre Amigas temos o desafio do sketch e ele sempre é proposto pela Maísa Mendonça, que além do sketch tb provê uma paleta de cores maravilhosa para nos ajudar! Além dela, a Nayda Rocha sempre faz sketches lindosss e os usa como ninguém! Vejam aqui  

2. Caso queira ir por sua conta, sempre vá conforme seu primeiro instinto! Uma tática muito boa é começar sua página colocando o ponto focal de sua página em dos pontos e construir todo design a partir desse ponto de partida.

3. Estabeleça um tempo máximo de 10 minutos para cada a colocação de cada item do projeto. Com o uso de um timer de cozinha vc define o tempo máximo a usar e  evita que você sempre queira mudar o projeto até ele ficar perfeito.

4. Esconda o que é imprescindível estar no projeto, mas simplesmente não combina com o design da página. A memorablia muitas vezes é imprescindível em um projeto, mas muitas vezes elas simplesmente não combinam com a página então a técnica é simplesmente a de escondê-la num envelope, inclui-la atrás de uma foto...

O que realmente vai contar para a sua família é q aquele objeto estará lá para ele ver e não se o design respeitou a regra dos triangulos visuais ou algo assim... o que sua família vai procurar em seus projetos é a história contada por cada um dos seus projetos.
A Karen guardou o dentinho do filho dela nesse envelope amarelinho... hehehe

-Alinhamento: pessoalmente já disse que não sou muito ligada em alinhamento dos elementos, pois para mim o scrapbook acaba sendo também uma forma de libertação de regras, mas sei que muita gente se preocupa muito mesmo com essa parte.
Como resolver?

1. use o trimmer: puxa... eu uso muito o trimmer, pois facilita muito para que seus cortes fiquem certinhos e a própria base do trimmer já vem com um grid que facilita muito o uso e dispensa a necessidade de régua. Confissão 3: detesto usar régua para fazer scrap! ;-)

2. use furadores de borda: eu uso até que bastante, mas tem gente como a Karen que usa muiittoooo! No caso dela, simplesmente pq fazendo isso ela deixa se preocupar com o alinhamento de seus elementos.

3. crie camadas de papéis de forma mais livre: se você incluir camadas e mais camadas de papéis e elementos de forma mais livre e irregular, tira o peso de alinhar esses elementos e dá a impressão de que foi feito de forma proposital!

4. faça torto! quem me conhece um pouquinho sabe que eu detesto usar coisas tortas! hahaha Dificilmente eu uso elementos tortos, principalmente o ponto focal, mas é bom irmos acostumando ou termos alguns sketches com elementos tortos! Só para pegar o jeito! hehehe
 
Agora olha esse LO da Karla Juliana para o desafio do sketch... Não está totalmente fofo? e a forma como ela colocou camadas e camadas de papéis tortinhos, fotos todas "salpicadinhas"... Eu nunca faria assim pq é demais para o meu senso de regras, mas está simplesmente deslumbrante! Qdo eu crescer quero ser assim... LIVRE! ;-)

Desculpem usar o mesmo LO do post passado de exemplo, mas esse é um projeto que me fez dar bastante risada... hahaha
Alguém aí tem coragem de dizer que eu pintei o círculo laranja bem torto e que ele ficou totalmente desalinhado? hahahaha Pois bem como comecei preparando a base de forma "errada" todo o LO teve que girar em torno de tentar consertá-lo, então fiz um design meio circular para dar movimento, costurei outros círculos com cor contrastante para tentar direcionar o olhar do leitor para o meio da página... enfim, foi muito interessante fazer esse projeto e ver que ele não ficou assim ruim e que pelo contrário, ele acabou virando um xodozinho meu... hehehe

-Uso de combinação de cores: outro ponto de preocupação de muitas scrappers é a combinação de cores de um projeto!

1. Use fotos preto e brancas: a primeira "regrinha" do scrap é partir da foto, na verdade das cores da foto para definir todo o resto do projeto, como as cores dos papéis e enfeites, mas se vc tiver em mãos fotos preto e brancas, vc estará livre para escolher qualquer material que tiver em mãos!
Aii como eu amo usar exemplos da Maísa para ilustrar as diquinhas... hehehe Sempre um show a parte né! ;-)

2. Use tom sobre tom: se as cores de azul que vc tem interesse em usar não combinam, então junte todos os tons de azul que você tem aí e dê a impressão de que isso foi proposital, ou seja, use diversos tons de azul que vc tem, mesmo que eles não combinem entre si.

Veja o exemplo abaixo, a combinação de laranjas que a Karen usou, mas nenhuma é do tom da roupa do filho dela!
3. Mude a cor dos seus elementos: use tinta, carimbeira, alcohol inks, canetas copic, etc para mudar a cor de seus elementos. Essa etapa pode ser demorada, mas é menos demorada do que ficar procurando em seu acervo todo o material que realmente combina com o seu projeto! hehehe

4. Use uma cor menos aparente na foto: ao invés de usar a cor predominante na foto, por exemplo, a cor da camiseta do seu filho, use uma cor que apareça menos, como por exemplo de algum elemento de fundo da foto. Ou ainda, se você tem uma roda de cores, use cores complementares às cores da fotos, mesmo que elas não apareçam na foto!
5. Use kits precoordenados: essa é a dica mais fácil de todas pq não precisa se preocupar com combinação de cores e estampas! hehehe É só ir usando o material do kit que está tudo certo!

6. Use as cores que aparecem no papel estampado que vc escolheu: sabe aquele papel lindo que vc "tem" que usar naquele projeto? Pq não fazer todo o projeto baseado nele? Eu sempre faço isso! Escolho os outros papéis e elementos com base naquele papel lindão e... no fim tudo dá certo!

7. Use técnicas que unificam, harmonizam elementos muito diferentes: qdo nada combina com nada... hehehe costumo fazer doodles em todos os papéis ou então passar gesso acrílico ou tinta ou carimbeira ao redor de tudo para dar uma uniformizada no aspecto geral do projeto... Então mesmo que as cores não estão combinando tanto assim, como damos essa uniformizada com o uso da mesma técnica, o aspecto geral ficar harmonico...

Vejam aqui um vídeo da Lucy Edson no qual ela faz um patchwork e passa tinta primeiro na tela pq ela está usando transparências para dar essa unificada.

-Técnicas para vc usar e soltar um pouco a franga sem perder totalmente o controle! hehehe

1. Doodles by Maísa:  ai que técnica maravilhosa e barata! Vc só precisa de caneta preta e branca e muita criatividade! ;-) Para completar leiam esse artigo da Raquel Daroda no Scrap Playground!
2. Uso de Tinta: amooooo! Tem coisa mais descontrolada que tinta? hahaha Vai pra todo lugar e tb onde não pode (em cima da foto! mas até nisso a gente da um jeito né, vira efeito!)
Tem muita gente boa que usa muita tinta né, mas... se eu falar Megui, todo mundo vai concordar né! ;-)

Olha issoo...
Existe alguém q faz backgrounds mais lindos q a Megui?
Aqui exemplão by Olímpia Hunt:
E para quem quer se aprofundar um pouquinho mais, artigo bem bom da Dina Wakley para o Get it scrapped - Six ways to start a scrapbook page with paint

Dêem uma olhadinha nesses vídeos promocionais de cursos da Dina...


3. Costura: a costura está super na moda! Ainda mais agora com o lançamento da coleção da Amy Tangerine e além de tags costuradas a mão, vários papéis sairam com costurinhas fofas!

Então, costurar na sua página ajuda a desviar o olhar da pessoa de algum defeitinho ou desvio de execução e por consequência, dá mais ênfase a algum local q vc queira!
A Karen sempre usa costura sublinhando o título e o journaling... Sabem quem tb usa muita costura? A Simone Oppes!!
Sabe que até hoje não sei qual meu estilo, mas eu sempre vivo fazendo páginas de meninos por causa dos meus filhos, mas sempre que vejo os LOs da Simone, meu coração se enche de poesia (e olha que eu nem gosto tanto assim de poesia... hahaha). Simplesmente acho deslumbrante!
Agora... alguém se lembra da Dea Musa? Siiiimmm né? Aiiii que saudades dela!
Qdo pensei em costura logo me veio a lembrança os LOs maravilhosos dela! Totalmente característico do talento dela né! Consegui encontrar essa fotinha só para a gente recordar do talento dela! ;-)
Nossa, muitas saudades dessa costura irregular, do distress, da tinta... momento saudade bateu forte! hehehe E sabe o que eu sempre achei interessante nela? Pelo que me lembro ela não sabia costurar antes de usar isso no scrap! Legal né! Virou uma super marca dela! ;-)
Aqui a versão da Megui de LO da Dea que ela ensinou no Fun Scrap Party!

4. Distress: é uma técnica para envelhecer o item que vc deseja e para tanto vc pode fazer isso fazendo pequenos rasgos, passando carimbeira... enfim, a idéia é tornar o item com uma carinha desgastada.

Alguns videozinhos singelos com técnicas básicas sobre como fazer distress:
by Scrapbook brasil:

Em inglês:

Agora para quem quer se aprofundar em técnicas com carimbeiras distress, olha o videozinho que o Betto Cesare do Scrap Guys fez! Pra quem não sabe ele é o nosso Tim Holtz brasileiro! hehehe sou fã!


5. Paper tearing - técnica do papel rasgado: essa deve ser uma das técnicas mais velhas do scrapbook! hehehe

6. Papel amassado - amassar o papel para quebrar as fibras e dar textura. Achei esse videozinho que eu gostei pq fez isso de amassar papel (uma das primeiras vezes que fiz isso acho que foi a Luzinha e me deu uma dor no coração... é que eu sou apaixonada por papel e ainda tenho dó de usar alguns papéis... imagina amassar desse jeito).
Esse vídeo eu inclui pq eu adoro ver gente fazendo scrap e além disso gostei do fato dela ter alterado esse envelope! hehehe

Bommm falei demais e não sei se ajudei vcs!
Deixem comentários para eu saber estou indo na direção certa, ok.

Bjks e até o próximo post!
Sueli Suga

9 comentários:

  1. Menina, que post maravilhoso! Daqueles que vale salvar e volta e meia reler. Obrigada pelas inúmeras dicas!

    ResponderExcluir
  2. Menina, que post maravilhoso! daqueles que vale salvar e volta e meia reler. (2)

    Muito bom mesmo... Amei as dicas, o texto, e o título...rsss Sou muito quadradinha na hora de scrapear e preciso mesmo soltar a franga...kkkkk
    Parabéns e continua porque o caminho da certissimo.... Bjs

    ResponderExcluir
  3. Menina, que post maravilhoso! daqueles que vale salvar e volta e meia reler. (3)

    Estou totalmente maravilhada com este post!! Sou iniciante e, embora esteja fazendo algumas aulas aqui, me sinto por demais insegura na hora de executar um projeto sozinha e esse post veio totalmente à calhar pra mim!!!! Obrigada!!!! Bjk!

    ResponderExcluir
  4. Menina, que post maravilhoso! daqueles que vale salvar e volta e meia reler.(4)

    E vou salvar mesmo!!! Obrigada, viu?
    Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Post incrível! Muitas dicas... vou guardar pra ler outras vezes, rsrs...
    Beijos,
    Gi

    ResponderExcluir
  6. Nossa Senhora !!!
    MARAVILHOSO esse post... tem que divulgar !!!
    Eu AMEI !!!
    Super parabéns !!!
    Beijos Coloridos !!
    Lu True Colors

    ResponderExcluir
  7. Sueli, eu gostei tanto do seu post que voltei tres vezes! Incrível!! Adorei!!!

    ResponderExcluir